Dia Nacional de Mobilização contra a PEC 32 Postado quarta-feira, 18 de agosto de 2021 ás 12:03


Servidores da Polícia Civil do Estado do Rio Grande do Sul protestaram na manhã desta quarta-feira, 18, no ato intitulado "Dia Nacional de Mobilização contra a PEC 32". Em Porto Alegre, houve mobilização em frente ao Palácio Piratini, sede do Governo Gaúcho, e em Santiago na frente da Central de Polícia Judiciária.

Entenda as consequências gravíssimas ao serviço público se a PEC for aprovada:

Mais de 200 mil Cargos nas mãos dos políticos – Estudos do próprio Senado Federal, calculam em mais de 200 mil a quantidade de Cargos Comissionados que ficarão liberados para nomeações por parte de políticos em todas as esferas, caso a PEC 32 seja aprovada. Isso poderá significar um dos maiores aparelhamentos do Estado brasileiro na história. Com isso, a sociedade brasileira regredirá ao que tínhamos antes da Constituição de 1988.

Setores privilegiados ficaram de fora da PEC32 – A Reforma Administrativa não atinge em nenhum aspecto os segmentos mais privilegiados do serviço público. O Judiciário, os militares, o Ministério Público e os políticos, que significam os maiores vencimentos do serviço público, ficaram de fora da Reforma. Ela vai atingir em cheio, principalmente, os serviços que a população mais necessita, como educação, saúde e segurança pública. Ou seja, o discurso de que a Reforma pretende racionalizar o Serviço Público, não passa de um grande engodo. Os grandes salários, como dos políticos, continuarão preservados, como em todas as reformas realizadas até hoje.

Fim da estabilidade – Os trabalhadores da Segurança Pública serão atingidos diretamente. Com a retirada dos policiais das carreiras típicas de Estado, a categoria terá como consequência o fim da estabilidade. Isso significará um tiro de morte no combate à corrupção. Sem estabilidade, qual policial terá tranquilidade para tocar em frente um inquérito que atinja algum governante?

Fim das Promoções por antiguidade – Outro ataque aos Policiais é o fim das promoções por antiguidade. Hoje as promoções já são um problema na Polícia Civil, por não existir um regramento que garanta justiça nas promoções por merecimento. O fim das promoções por antiguidade vai tornar essa realidade ainda pior.

Edição do Blog com informações da UGEIRM/Sindicato.

Siga o Blog no Facebook!

Top Vidros e Ferragens!

Top Vidros e Ferragens!

BEAGÁ Aulas Particulares!

Alfa Dog Center lança campanha VacinaCÃO!

Alfa Dog Center

Alfa Dog Center

Renegociação de Impostos!

Renegociação de Impostos!

Sorrifácil Santiago

Saborosa novidade em Santiago!

Saborosa novidade em Santiago!

Damian Center Lar

Compre no Damian sem sair de casa!

EAD URI

EAD da URI Santiago com novidades!

Advocacia de Qualidade!

Advocacia de Qualidade!

Ucha Leilões!

Fank Ótica, Joias e Relógios!

Bombachas Pampeiro

Colchões Pampeiro

Calçados Pampeiro

Damian Mercado Rural

A Top Car agora é PAMPEIRO!

Delir Viandas - Comida Caseira!

Delir Viandas - Comida Caseira!

Zequinha Galetos, Costela e Maionese

Zequinha Galetos, Costela e Maionese

Santa Limpeza!

3e Gestão de Pessoas

Florybal Santiago

Florybal Santiago

Churrascaria Prodócimo

Churrascaria Prodócimo

Culinária Japonesa em Santiago

Culinária Japonesa em Santiago
Cardápio disponível ao CLICAR NO ANÚNCIO!

SUPERA Santiago

Guia Santiago!

Imembuí Microfinanças

Novidade Médica em Santiago

Novidade Médica em Santiago

Clínica Life!

Clínica Life!

Vida Sonora em novo endereço!

Vida Sonora em novo endereço!

Xeque Mate Monitoramento e Segurança

Xeque Mate Monitoramento e Segurança

Previne Cursos e Treinamentos

Previne Cursos e Treinamentos

Mais Lidos da semana

Mais lidas nos últimos 30 dias