Se encerrou às 3h30min desta sexta-feira, 18, o Julgamento de sete réus apontados pela Polícia Civil e pelo Ministério Público pela autoria e envolvimento na morte de Daniela de Freitas Falcão e na tentativa de homicídio contra o namorado dela, Douglas Garcia Monteiro, que foi baleado, mas sobreviveu. O crime foi motivado por disputa entre duas facções pelo comando do tráfico de drogas em Santiago.

Daniela foi morta a tiros e Douglas baleado no tórax, axila e ombro por volta das 21h30 de 30 de abril de 2021 na Rua Carlito Mazoni, Bairro Jardim dos Eucaliptos, em Santiago. O MPRS defendeu em plenário que, obedecendo ordens enviadas por Marcos André de dentro da Cadeia Pública de Porto Alegre, os réus Igor Thomaz, João Vitor, Paulo Roberto e Rafael se deslocaram da Capital para Santiago com o único intuito de matar as vítimas. Naquela noite, o grupo se encontrou com Matias, que entregou as armas utilizadas no ataque. Então, os quatro foram até a residência do casal em uma Spin branca e abriram fogo. Depois, Matias, a mando de Marcos André, ocultou o revólver utilizado no crime, cuja numeração estava suprimida.

De um total de sete acusados, quatro foram presos no fim de semana do crime. Os demais no decorrer da investigação.
 
 
 
Nas fotos acima, dois momentos do Júri, um à tarde, quando os defensores públicos apresentavam as defesas dos réus aos jurados e, a segunda, de madrugada, no encerramento do julgamento.
 
Na segunda foto, o promotor de justiça Francisco Saldanha Lauenstein não esboçou sorriso por ter recebido a notícia de que um colega promotor, muito próximo à ele, foi baleado por criminosos quando chegava em casa na noite desta quinta (17), em Teotônia.  João Jair Franz atuou em Santiago, informou o promotor Francisco, bastante abalado pelo acontecimento com o colega.
 
Na foto, além do promotor Francisco Saldanha Lauenstein, está a promota de justiça Silvia Inês Miron Jappe, a juíza que presidiu o Júri, Cecília Laranja da Fonseca Bonotto, e os defensores públicos que atuaram na defesa dos réus, Drª Tatiana Boeira, Dr. Domingos Barrosso da Costa, Dr. Miguel Silva da Silva e Dr. Andrey Régis de Melo.

Santiaguense absolvido
 

Dos sete réus, o único inocentado foi o santiaguense Igor Guedes Freitas, de 27 anos, que teria se associado ao grupo criminoso. Ficou comprovado no Júri que ele sequer tinha conhecimento do crime e não conhecia os envolvidos na execução. Ao ouvir da Juíza Cecília que o corpo de jurados o inocentou, o jovem chorou emocionado. Na foto, Igor com seu advogado, Dr. Andrey Régis de Melo.

As condenações

- Marcos André da Fonseca Teles, de Canoas, 30 anos: Condenado por homicídio duplamente qualificado (motivo torpe e mediante recurso que dificultou a defesa da vítima); tentativa de homicídio duplamente qualificado (motivo torpe e mediante recurso que dificultou a defesa da vítima); posse de arma de fogo com numeração suprimida; posse de arma de fogo e de munições de uso permitido; e associação criminosa.

- Rafael Guimarães Garcia, de Porto Alegre, 39 anos: Condenado por homicídio qualificado (motivo torpe); lesão corporal; posse de arma de fogo com numeração suprimida; posse de arma de fogo e de munições de uso permitido; e associação criminosa.

- Igor Thomaz Amaral Corrêa, de Porto Alegre, 27 anos: Condenado por homicídio duplamente qualificado (motivo torpe e mediante recurso que dificultou a defesa da vítima); tentativa de homicídio duplamente qualificado (motivo torpe e mediante recurso que dificultou a defesa da vítima); posse de arma de fogo com numeração suprimida; posse de arma de fogo e de munições de uso permitido; e associação criminosa.

- João Vitor Pereira dos Santos, de Alvorada, 22 anos: Condenado por homicídio duplamente qualificado (motivo torpe e mediante recurso que dificultou a defesa da vítima); tentativa de homicídio duplamente qualificado (motivo torpe e mediante recurso que dificultou a defesa da vítima); posse de arma de fogo com numeração suprimida; posse de arma de fogo e de munições de uso permitido; e associação criminosa.

- Matias Moreira da Cruz, de Santiago, 22 anos: Condenado por homicídio qualificado (motivo torpe); tentativa de homicídio qualificado (motivo torpe); posse de arma de fogo com numeração suprimida; posse de arma de fogo e de munições de uso permitido; e associação criminosa.

- Paulo Roberto Peixoto de Lima, Encruzilhada do Sul, 25 anos: Condenado por homicídio duplamente qualificado (motivo torpe e mediante recurso que dificultou a defesa da vítima); tentativa de homicídio duplamente qualificado (motivo torpe e mediante recurso que dificultou a defesa da vítima); posse de arma de fogo com numeração suprimida; posse de arma de fogo e de munições de uso permitido; e associação criminosa.

A sentença com as penas que cada condenado terá que cumprir será divulgada durante a sexta-feira já que o Júri terminou muito tarde e todos os envolvidos estavam exaustos.
 
O Júri começou às 8h30min de quarta (16) se encerrando às 3h30min de hoje (18). Foi o maior tempo de duração de um julgamento, além do Júri com maior número de réus, até o momento, na Vara de Execuções Criminais de Santiago. 

Momento da leitura das condenação e da absolvição
 

Siga o Blog no Facebook!

APP de Mobilidade Urbana 287 Driver

APP de Mobilidade Urbana 287 Driver

Rádio Nova Pauta

NPExpresso: Portal de Notícias e Jornal Impresso!

Ribeiro Filho Advocacia e Consultoria

Ribeiro Filho Advocacia e Consultoria
AGORA EM NOVO ENDEREÇO!

CLICK ACESSÓRIOS em Santiago!

Especialista em Direito de Família!

Giraffas Santiago

Eletroos Engenharia e Energia Solar!

Damian Center Lar

Compre no Damian sem sair de casa!

Restaurante Cantina Damian!

Designer Gráfico Grabriel Bueno

Rotero Produtora: Fotografia e Vídeo!

Rotero Produtora: Fotografia e Vídeo!

Darlan Ferrari Fotografia

Darlan Ferrari Fotografia

A melhor sonorização de Santiago e região!

A melhor sonorização de Santiago e região!
Fone/Whats (55) 9.9664-4188

Florybal Santiago

Florybal Santiago

Clínica Life!

Clínica Life!

Coloproctologia e Colonoscopia em Santiago!

Coloproctologia e Colonoscopia em Santiago!

A Top Car agora é PAMPEIRO!

3e Gestão de Pessoas

Culinária Japonesa em Santiago

Culinária Japonesa em Santiago
Cardápio disponível ao CLICAR NO ANÚNCIO!

Delícias santiaguenses: Pão de Forma!

Delícias santiaguenses: Pão de Forma!

Xeque Mate Monitoramento e Segurança

Xeque Mate Monitoramento e Segurança

Mais Lidos da semana

Mais lidas nos últimos 30 dias